quinta-feira, 14 de agosto de 2008

Mistura

misturei-me em meio ermos
sentei-me na vastidão do mundo
busquei-te e o trouxe pra luz
que advinha da lua creme

teus gestos fez-me carinho
tua voz enlouqueceu minha paz
de teu corpo extrai o perfume
que a vida não prostitui

bufei e chorei teu luto
no pano que a vida me deu
em chitas vermelhas curvei a fronte
me expus...

agora sou passarinho contente
feliz com o ato da asa
que voa com a liberdade
sem mácula, sem nome... sem retrato

by Sole Mazzeto

Nenhum comentário:

eXTReMe Tracker

Marcadores