sábado, 23 de agosto de 2008

O meu amor, o Palco


amo o cheiro que o palco tem... quando chego, peço permissão para entrar e faço o sinal da cruz, colocando os dedos no tablado, é meu sacerdócio , creio que ator que ama o que faz, é sacerdote, pois não é um ofício simples, temos que abdicar de nós mesmos pra 'ser' [a personagem], não importa quantos erros ela tenha de personalidade, ela é nossa persona e nossa responsabilidade enquanto estivermos com ela no palco, depois a deixamos e vamos pra casa, quando voltamos, ela está a nossa espera, querendo-nos... é nossa 'criança'
texto by Solange Mazzeto
imagem by Márcia Santos

2 comentários:

Regina Fernandes disse...

O amor pelo palco, o amor pelas palavras ... É bom demais!
Beijos
Regina

Solange Mazzeto disse...

Oi Regina, avisarei quando estiver em cartaz,[por hora estou fazendo apresentações esporádicas], aí quem sabe vc vem me ver :)

beijo

eXTReMe Tracker

Marcadores